O que pode causar derrame no pulmão?

O que pode causar derrame no pulmão?

O que pode causar derrame no pulmão?

As principais causas do derrame pleural decorrem de inflamações dos tecidos do pulmão e da pleura. Algumas dessas condições são pneumonia, tuberculose, câncer no pulmão, embolia pulmonar, artrite reumatóide e lúpus.

Por que a dor e a falta de ar são sintomas do derrame?

  • A dor e a falta de ar são basicamente os dois sintomas próprios do derrame. Os outros sintomas que normalmente acompanham o quadro costumam ocorrer devido a doença de base, como febre e tosse na pneumonia, tosse com raias de sangue no câncer de pulmão, ascite na cirrose, pernas inchadas na insuficiência cardíaca, e assim por diante.

Como se resolvem os derrames?

  • A maioria dos derrames pleurais se resolve em pouco tempo, com o tratamento da doença que os provocou (pneumonia ou doença cardíaca, por exemplo). Entretanto, alguns casos requerem cirurgia ou a colocação de drenos no tórax. Exercícios de fisioterapia respiratória são fundamentais e devem ser introduzidos desde o início do tratamento.

Qual é o derrame pleural?

  • O derrame pleural, também chamado de água no pulmão, é um acúmulo excessivo de líquido no espaço entre os pulmões e a cavidade torácica.

Qual a evolução do derrame?

  • Na radiografia de tórax realizada com o paciente em pé ou de perfil, a apresentação do derrame varia com seu volume, tendo a seguinte evolução: Opacificação progressiva das porções inferiores dos campos pleuropulmonares com a forma de uma parábola com a concavidade voltada para cima.

Postagens relacionadas: